Depois de insistentes cobranças do movimento sindical, a direção do Banco do Nordeste anunciou que pagará a segunda parcela da participação nos lucros e resultados (PLR), referente a 2018, nesta quarta-feira 8 de maio.

Só os empregados do BNB ainda não receberam o benefício, que foi conquistado após muita luta da categoria e está previsto na Convenção Coletiva da Trabalho.

Pela regra geral da PLR, cada bancário tem direito a 90% do salário, mais valor fixo de R$ 2.355,76. Caso o montante não atinja 5% do lucro líquido dos bancos o valor será elevado até o limite individual de 2,2 salários. Tem também a parcela adicional, com distribuição linear de 2,2% do lucro líquido anual dos bancos, com teto de R$ 4.711,52.

O pagamento é feito em duas parcelas. Os bancários do BNB só receberam a primeira até o momento.

Fonte: FEEB BA/SE