Aconteceu nesta terça-feira (27), em São Paulo, uma reunião com o diretor de Relações Sindicais do Itaú, Marco Aurélio, para tratar sobre questões de interesse dos funcionários do banco, como liberação de dirigentes sindicais, Citibank, homologações de demissões e reembolso do plano de saúde. O presidente da Federação dos Bancários da Bahia e Sergipe, Hermelino Neto, participou do encontro.

Sobre o Citibank, o diretor reafirmou o que o banco já havia anunciado que as agências físicas mudarão para Personalité e declarou que ainda não há maiores informações sobre o processo de fusão com o Itaú. Neto apresentou a reivindicação de implantação de uma agência digital em Salvador, que seria a primeira do Norte e Nordeste. Mas Marco Aurélio respondeu que o Itaú não tem ainda uma posição sobre isto.

Em relação às homologações das demissões, o banco informou que manterá a orientação da Fenaban, que é realizá-las no local de trabalho, desconsiderando a representação sindical e o seu papel em defesa dos interesses dos trabalhadores.

Já sobre a liberação dos dirigentes sindicais, o reembolso do plano de saúde e a Casseb, o diretor respondeu que o Itaú ainda avaliará essas questões. Marco Aurélio informou também que o banco deseja debater medicina do trabalho com os sindicatos. Ficou acertado que será definida uma agenda com a Federação para discussão deste tema.

Fonte: FEEB BA/SE