A direção da Caixa adiou pela segunda vez a rodada de negociação com a Comissão Executiva dos Empregados (CEE) sobre o modelo de custeio do Saúde Caixa. Uma nova reunião foi agendada para terça-feira (14/9), às 15h, por videoconferência.

A CEE mantém o entendimento de que qualquer negociação passa pela manutenção do modelo de custeio 70% (Caixa) x 30 % (empregados) e pela reafirmação dos princípios do plano, que são: mutualismo, solidariedade e pacto intergeracional. Estas são questões inegociáveis.

Desde o início das negociações que a Caixa insiste na individualização do Saúde Caixa. Mas, a CEE já deixou claro que não aceitará nenhum modelo de custeio com esse critério.

Fonte: FEEB BA/SE com Informes FENAE