Os empregados da Caixa realizaram um dia de luta e manifestações nesta terça-feira (27/4), para protestar contra a postura da direção da empresa que tenta enfraquecer o banco público, vendendo suas áreas mais rentáveis, e retirar direitos dos bancários, com a diminuição da PLR Social.

Os bancários reivindicam também um acordo com definição das regras do teletrabalho, o fim da pressão por metas e da sobrecarga de trabalho, além da contratação de mais empregados e vacinação para todos os trabalhadores do banco contra a covid-19.

O dia seria de paralisação de 24 horas, mas uma plenária realizada na noite desta segunda (26), os bancários da Bahia e Sergipe decidiram por um dia de manifestações, com paralisações parciais durante o dia.

Fonte: FEEB BA/SE